sábado, 30 de junho de 2012

Chicória ( Cichorium intybus ) - estimula o apetite, melhora a digestão e ajuda a manter a flora intestinal

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Chicória ( Cichorium intybus )
Nativa da região do Mediterrâneo, é cultivada em diversas partes do mundo, onde é consumida como verdura. Também é cultivada para substituir o café. A planta é bastante amarga e é um excelente digestivo, estimulante, tônico e laxante leve. Seus principais componentes são: lactonas ( lactucina e lactupicrina ), oligossacarídeos, sesquiterpeno, inulina (na raiz ), glicosídeos, vitaminas e minerais. Sua ação é laxante, diurética, sedativa, atua como tônico digestivo e hepático. 

 

Veja abaixo como usar



Decoção - Tome 1 xícara de uma decoção padrão feita com a raiz, três vezes ao dia, para estimular o fígado e o sistema digestório. Use 1 xícara diluída em 1/4 de xícara de água ( para uma decoçao mais leve ), duas vezes ao dia, para constipação. A chicória contém oligossacarídeos que são probióticos e ajudam a manter a flora intestinal.

Infusão -  Faça uma infusão padrão com as folhas e as flores. Tome 1 xícara, três vezes ao dia, para melhorar a digestão.

Tintura - Tome 2 ml da tintura feita com a raiz, três vezes ao dia, para estimular o apetite.

Extrato Fluido - Os extratos têm sido usados com êxito para curar parasitoses em ovelhas e bovinos, mais há pouca pesquisa sobre os efeitos em seres humanos.

Ervas medicinais para anemia ( chá para anemia )

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/A anemia ocorre quando há a alteração dos componentes formadores do sangue, como diminuição da taxa de hemoglobina, cujas funções estão as de fixação e tranferência de oxigênio às células e a redução de número de glóbulos vermelhos. Geralmente, o anêmico apresenta palidez intensa, pele fina e inelástica, em virtude da atrofia da derme e epiderme, fraqueza, mal-estar e fadiga fácil. O baixo teor de oxigênio nos tecidos explica a facilidade com que se cansa e a dificuldade respiratória ( dispneia ) que surge durante os exercícios, mesmo quando moderados.

Receitas Medicinais


Anemia

Receita 1

Ingredientes:
  • 1 punahdo de alfafa
  • 1 punhado de chapéu-de-couro
  • 1 punhado de dente-de-leão
  • 1 punhado de estévia ( folhas )
  • 1 punhado de urtiga

Modo de Preparo: Coloque todas as ervas em bule, cubra com 400 ml  de água fervente, deixe descansar por 10 minutos, coe e sirva. Tome de 3 a 4 xícaras por dia .


Receita 2

Ingredientes: 
  • 1 punhado de folhas de agrião
  • 1/2 litro de água

Modo de Preparo: Coloque as folhas de agrião em um recipiente. Reserve. Ferva a água e jogue sobre as folhas e abafe. Adoce com mel e beba de 3 a 5 xícaras ao dia.
http://www.ervasmedicinaiscuram.com/

sexta-feira, 29 de junho de 2012

Erva-de-são-cristóvão ( Actaea racemosa ) - alivia os sintomas de menopausa, combate cólicas e sintomas da TPM

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Erva-de-são-cristóvão ( Actaea racemosa )
Originária do Canadá e do leste dos Estados Unidos, era o remédio preferido dos povos da América do Norte, sendo usada para curar diversas moléstias ginecológicas, picadas de cobra, febre e doenças reumáticas. Na Europa, é empregada desde o século 19, onde é conhecida como Cimicifuga racemosa. Já foi relacionada a danos no fígado, por isso seu uso é restrito em alguns países. Seus principais componentes são: taninos, derivados do ácido cinâmico, isoflavonas, cromonas, ácido salicílico e glicosídeos de triterpenos. Sua ação é antiespasmódica, anti-inflamatória, antirreumática, analgésica, alivia os sintomas de menopausa, combate cólicas e sintomas da TPM, diurética, sedativa, antitussígena, reduz a pressão e a glicemia. As partes usadas da erva é a raiz e rizoma.

Veja abaixo como usar 


Decoção -  Ferva 15g da raiz em 900 ml  de água por 15 minutos, duas vezes ao dia, para aliviar dores reumáticas, nevralgia facial, tendinite, inflamação do nervo ciático e dor lombar.

Xarope - Misture 300 ml de uma decoção ( ver acima ) com 225g de açúcar ou mel. Ferva por 10 minutos. Tome 5 ml a cada 2 ou 3 horas, para aliviar tosses.

Tintura - Tome 20 gotas, três vezes ao dia, quando estiver com dor; misture com a mesma quantidade de tintura de agripalma e tome, três vezes ao dia, para sintomas de menopausa. Tome 20 gotas, três vezes ao dia, com a mesma quantidade de valeriana, para tratamento de pressão alta.

Cápsulas - Use para mal-estar da menopausa e doenças reumáticas; siga as instruções da embalagem. Não ingerir acima de 40 mg por dia. As cápsulas podem ser encontradas em casas de produtos naturais .


Contra Indicação: Não tome mais do que o indicado, pois pode causar problemas hepáticos. Não utilize caso já tenha tido alguma disfunção no fígado. Não use na gravidez.

quinta-feira, 28 de junho de 2012

Como preparar chás medicinais ( maceração, infusão, decoção ) - Ervas Medicinais

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Muitos chás são apreciados pelo sabor e poder refrescante, como o delicioso mate, outros são usados somente como medicamento para o tratamento natural dos mais diferentes males. No caso dos chás medicinais, é preciso tomar certos cuidados para prepará-los corretamente. Os estudos comprovam que as plantas não só alimentam mas também curam. Muitas vezes encontramos tratamentos naturais à base de ervas e outras plantas medicinais e, no entanto, não sabemos como usá-las corretamente. Portanto, vale a pena conferir como podemos utilizá-las, nos mais diversos processos. Há diferentes maneiras para se preparar os chás, e todas elas estão diretamente ligadas à composição e às qualidades de cada erva ou planta medicinal. As formas mais conhecidas são:

Por Maceração - Coloque de molho, em água fria, à temperatura ambiente, 1 a 2 colheres ( chá )  das ervas secas ou frescas para cada xícara de água. Para as partes mais duras, o período de espera adequado é de 18 a 24 horas e, para as partes mais macias, de 12 a 18 horas. Em seguida, aqueça tudo levemente, coe e beba o chá (de  preferência sem adoça-lo ), 3 a 5  xícaras por dia.

Por Infusão - Coloque as ervas ( frescas ou secas ) na proporção de 1 a 2 colheres ( chá )  das ervas para cada xícara de água, dentro de um recipiente, e despeje água fervente sobre elas. Deixe repousar de 5 a 10 minutos. Se forem utilizadas as partes mais duras das plantas, tais como cascas e raízes, o tempo de repouso na água fervente deverá ser de 20 a 30 minutos. Em seguida, coe e beba o chá  de preferência ao natural, sem açúcar, de 3 a 5 vezes.

Por Decoção - Coloque em um recipiente com água fria, as ervas secas ou frescas, na proporção de 1 a 2 colheres ( chá ) de erva para cada xícara de água. Leve ao fogo brando e deixe cozinhar. Se utilizar as partes mais duras das plantas ( raízes, cascas, talos, sementes ), estas deverão ser picadas e o tempo de cozimento deverá ficar entre 20 a 30 minutos. As partes mais tenras ( flores e folhas ) levam cerca de 3 a 5 minutos de cozimento. Depois do cozimento, deixe a mistura em repouso por alguns minutos, coe e beba de 3 a 5 xícaras por dia, de preferência sem adoça-la.

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/


Hissopo ( Hyssopus officinalis ) - combate tosses com secreção, resfriado, gripe e combate indigestão

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Hissopo ( Hyssopus officinalis )
Atualmente é cultivado em diversos lugares, mas originalmente é encontrado em regiões rochosas do Mediterrâneo. Em jardins, mantém as borboletas longe das brássicas. Pode ser usado na culinária para temperar ensopados ou como erva medicinal para tratar tosses e gripes. Seus principais componentes são: óleo volátil ( incluindo canfôra e pinocanfona ), flavonoides, terpenos ( incluindo marrubina ), hissopina e taninos. Sua ação é expectorante, carminativa, diaforética, antiespasmódica, hipertensiva, emenagoga e há relatos de ação antiviral. Partes usadas erva são: partes aéreas, flores e óleo essencial.

Veja abaixo como usar


Infusão - Tome 1/2 xícara de uma infusão padrão, a cada 2 horas, para estimular a produção de suor em estágios iniciais de resfriado e gripe.

Tintura - Tome 4 ml, três vezes ao dia, para diminuir gases e tratar indigestão, especialmente as de fundo nervoso.

Xarope - Misture 600 ml de uma infusão feita apenas com as flores com 450ml de mel. Use contra tosses com secreção. Tome 1 colher ( chá ) sempre que necessário. Pode ser combinado com tomilho, tussilagem e verbasco.

Pomada Para o Tórax - Misture 1 colher ( sopa ) do óleo macerado de hissopo com 2 gotas de óleo essencial de tomilho e de eucalipto. Massageie o peito com a mistura em casos de bronquite ou resfriado.

terça-feira, 26 de junho de 2012

Maracujá ( Passiflora incarnata ) - combate insônia, ameniza cólicas menstruais e auxilia no tratamento de crianças hiperativas

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Maracujá ( Passiflora incarnata ) 
Nativa do sul dos Estados Unidos, teve sua flor muito usada por índios para tratar inchaços, infecções por fungos e como tônico para o sangue. Atualmente, é bastante conhecido por sua ação sedativa, sendo indicado a crianças hiperativas e para diminuir o tremor causado pelo mal de Parkinson. Seus principais componentes são os glicosídeos, flavonoides, cianogênicos, alcaloides e saponina. Sua ação é sedativa, analgésica antiespasmódica, refrescante, hipotensiva, tônica paro o coração, relaxa os vasos sanguíneos. As partes usadas são as folhas e caules.

Veja abaixo como usar


Infusão - Tome 1 xícara de uma infusão padrão feita com quantidades iguais de folhas de maracujá e de framboesa, três vezes ao dia, para amenizar as cólicas menstruais. Para insônia, tome à noite 1 xícara fervida com 1/2 colher ( chá ) de flores secas; para amenizar dores menstruais e dores de cabeça por tensão, tome três vezes ao dia . Para tratar crianças hiperativas, é recomendado diminuir a dosagem.

Tintura - Tome entre 4ml com um pouco de água, três vezes ao dia, para tratar tensão nervosa, pressão alta relacionada a estresse ou para reduzir a intensidade dos ataques da doença de Ménière.

Extrato Fluido - Tome 2ml com um pouco de água, três vezes ao dia, para aliviar dores de dente e tratar herpes-zóster.

Cápsulas - Tome 1 ou 2 cápsulas de 200mg à noite e de manhã para tratar ansiedade, tensão e dores de cabeça.


Observação: Avalie o momento para utilizar a passiflora incarnata, pois pode causar sonolência.


Lavanda ( Lavandula angustifolia ) - combate a insônia, alivia dores musculares, tensões e alivia asma

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Lavanda ( Lavandula angustifolia )
O nome vem do latim lavare (" lavare, enxaguar "). Tem sido usada por anos para aromatizar óleos de banho e sabonetes. Originária do Mediterrâneo, é bastante associada a indústria de perfumes do sul frança. As flores são muito valorizadas por seus efeitos sedativos e calmantes, e o óleo essencial é usado para tratar problemas respiratórios e dores musculares. Seus principais componentes  da lavanda são: óleo valáteis (cineol e acetato de linalil em grande parte), taninos, cumarinas, flavonoides e triterpenos. Sua ação é relaxante, antiespasmódica, tônica para o sistema nervoso, estimula a circulação, bactericida, analgésica, carminativa, colagoga, antidepressiva. Partes usadas da erva são as flores e óleo essencial.

Veja abaixo como usar 


Infusão - Tome 1 xícara de uma infusão padrão feita com as flores, três vezes ao dia, para amenizar esgotamento ou dores de cabeça causadas por tensão. Uma xícara antes de dormir pode ajudar a combater a insônia e, depois das refeições, ajuda a digestão.

Tintura - Tome 5ml, duas vezes ao dia, para tratar dores de cabeça, depressão ou nervosismo. Pode também ajudar a aliviar asma, especialmente se os ataques são desencadeados por problemas nervosos.

Óleo de Massagem - Dilua 2ml do óleo essencial em 2 colheres ( chá ) de óleo vegetal. Use para aliviar dores musculares e tensões, massageando têmporas e pescoço.

Óleo Essencial - Passe um pouco em picadas de insetos ou coloque 10 gotas em 50ml de água e use como loção pós-sol. Adicione 4 gotas em um lenço e coloque dentro do travesseiro para dormir melhor.

Condicionador - Dilua 1ml do óleo essencial em uma jarra de água e use para finalizar o enxágue do cabelo em caso de piolhos e lêndeas. Outra opção é colocar algumas gotas de óleo em um pente fino e passá-lo nos cabelos. 

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Chá Para Vermes ( combater os vermes )

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
O vermes são parasitas do intestino humano, que provocam distúrbios funcionais e competem com o hospedeiro na assimilação de nutrientes. Podem ser unicelulares ou microscópios, como as amebas e a giárdia, que produzem a amebíase. Com medidas simples de higiene, é possível afastar doenças e principalmente o aparecimento de vermes nas crianças.



Receita 1 

Ingredientes:
  • 1 punhado de folhas de arruda
  • 1 litro de água

Modo de Preparo: Em uma panela, coloque a água, leve ao fogo de  ferver por 20 minutos. Retire do fogo e adicione as folhas secas de arruda. Tampe o chá e deixe descansar por 10 minutos. Coe e beba 2 ou 3 vezes ao dia.

Receita 2

Ingredientes:
  • 1 abacate ( as cascas )
  • 1 limão ( as cascas )
  • mel a gosto

Modo de Preparo: Lave bem a casca do abacate. No moedor ou processador triture. Rale a casca de 1 limão. Misture as cascas em partes iguais. Acrescente o mel e mexa bem.


Observação: Tome em jejum diariamente um colher de sopa. O uso de medicamentos naturais não exclui a consulta com o seu médico.

Chá para febre

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Febre 


Receita 1 

Ingredientes: 
  • 1 pedaço de talo de abóbora
  • 1/2  xícara de sementes de laranja
  • 2 copos de água
  • Mel para adoçar



Modo de Preparo: Ferva os ingredientes juntos por 15 minutos. Coe, adoce com mel e tome uma xícara de chá de duas em duas horas.


Receita 2 

Ingredientes:
  • 1 punhado de flores de sabugueiro
  • 1 punhado de sálvia
  • Suco de um limão por xícara
  • 1/2 litro de água

Modo de Preparo: Ferva as ervas na água por 15 minutos. Coe e tome uma xícara de chá acrescentando o suco de limão, adoce com mel se desejar. Em caso de febre alta, tome duas em duas horas.

domingo, 24 de junho de 2012

Calêndula ( Calendula officinalis ) - combate corrimentos vaginais, diminui o fluxo menstrual e muitos outros benefícios

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Calêndula ( Calendula officinalis )
Acreditava-se que elevava o espírito e trazia alegria. É uma das plantas medicinais mais usadas e mais versáteis. Há diversas versões de cremes e pomadas para uso externo, mas também poder ser ingerida para o tratamento de problemas digestivos, ginecológicos ou de pele e reumatismos. Os pricipais componentes da calêndula são: resina, óleo volátil, flavonoides, mucilagem, triterpenos, esteroides e carotenos. Sua ação é adstringente, bactericida, fungicida, anti-inflamatória, cicatrizante, antiespasmódica e regula a menstrução.

Veja abaixo como usar


Infusão - Tome 1 xícara de uma infusão padrão, três vezes ao dia, para tratar inflamações no aparelho digestório. Também é indicada para combater corrimentos vaginais. Feridas na gengiva ou aftas podem ser tratadas com gargarejo.

Tintura - Tome 1 colher ( chá ), três vezes ao dia, para tratar problemas mentruais ( irregularidade, cólicas e fluxo intenso ).

Óleo Macerado - Use como pomada em microvarizes. Para aliviar queimaduras de sol, misture com 20% de óleo de lavanda.

Creme/Pomada - Aplique em cortes e arranhões pequenos, ou qualquer inflamação ou irritação na pele. Use também em eczemas, mamilos rachados e frieiras. Pode ser empregada em queimaduras leves ( incluindo as de sol ), acne, pé de atleta e micoses.


Observação: uso não recomendado durante a gravidez.

Chá para hemorroidas

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Hemorroidas

O esforço exercido sobre veias que irrigam a parte terminal do reto e do ânus por hábitos irregulares do funcionamento intestinal provocam as  hemorroidas, que são varizes, ou seja, dilatações dessas veias. Os inchaços são periódicos, com dores; pode haver também hemorragias e feridas.


Receita 1 

Ingredientes:
  • 1 punhado de castanha-da-índia
  • 1 punhado de erva-do-bicho
  • 2 copos de água

Modo de Preparo: Ferva todos os ingred juntos por 15 minutos. Coe, deixe esfriar, tome uma xícara de chá três vezes por dia.


Receita 2 

Ingredientes:
  • 1 punhado de folhas de café
  • 1 punhado de folhas de hamamélis
  • 1 punhado de sabugueiro
  • 2 litros de água

Modo de Preparo: Ferva todos os ingredientes juntos por 15 minutos. Coe e faça banhos quentes de assento duas vezes por dia.

Chá para abrir o apetite ( ervas finas )

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Falta de Apetite 


Receita 1

Ingredientes: 

  • 1 punhado pequeno de angélica ( raiz )
  • 1 punhado pequeno de genciana
  • 1 punhado pequeno de carqueja doce
  • 2 copos de água

Modo de Preparo: Ferva os ingredientes juntos durante 15 minutos. Coe e tome uma xícara de chá uma hora antes do almoço e jantar.


Receita 2


Ingredientes: 

  • 1 punhado de folhas de limoeiro
  • 1 punhado de raiz de salsão
  • 1 colher ( sopa ) de tomilho
  • 3 punhados de folhas de alcachofra
  • 2 copos de água

Modo de Preparo: Deixe em infusão, em água fervente, todas as ervas. Espere até ficar morno. Filtre e beba uma xícara de chá 30 minutos antes das refeições.

sábado, 23 de junho de 2012

Chá para enjôo

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Enjoo


Receita 1 

Ingredientes: 
  • 3 folhas de dente-de-leão
  • 4 folhas de alfavaca
  • 1 colher ( sopa ) de tomilho
  • 10 gotas de limão
  • 3 xícaras ( chá ) de água

Modo de Preparo: Macere bem as ervas, cubra com a água fria e deixe por 4 horas em local fresco ou na geladeira. Coe e tome duas colheres ( sopa ) do chá gelado de duas em duas horas.


Receita 2 

Ingredientes:
  • 1 colher ( sopa ) de pó de quássia
  • 2 colheres ( sopa ) de casca de laranja seca
  • 3 colheres ( sopa ) de hortelã
  • 10 gotas de limão
  • 3 xícaras ( chá ) de água

Modo de Preparo: Macere bem as ervas, cubra com água fria e deixe por 4 horas em local fresco ou na geladeira. Coe e tome duas colheres ( sopa ) do chá gelado de duas em duas horas.


Receita 3 

Ingredientes:
  • 1 punhado pequeno de cravo-da-índia
  • 1 punhado pequeno de canela
  • 2 copos de água

Modo de Preparo: Ferva os ingredientes juntos por 15 minutos. Coe e tome uma 1 xícara de café de duas em duas horas até melhorar.

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Ervas medicinais digestivas

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Maus hábitos alimentares,  problemas emocionais, uso de remédios, álcool, e estresse são gatilhos para várias doenças, inclusive no sistema digestório. Para mantê-lo em bom funcionamento e saudável, são necessários alguns cuidados. Pensando em você nós do Ervas Medicinais Curam disponibilizamos abaixo uma lista das principais ervas para tratar os problemas digestivos. 


Alcaçuz ( Glycyrrhiza glabra ) -  Laxativa e calmante. Faça uma infusão com camomila e alteia e tome em caso de indigestão, acidez, gastrite, ou misture com sene para tratar constipação.

Alteia ( Althaea officinalis ) - Anti-inflamatória do trato digestivo. Faça uma infusão misturada com camomila para diminuir acidez, desconforto e irritação na boca, estômago e duodeno.

Camomila ( Matricaria recutita ) - Calmante. Ajuda minimizar problemas como indigestão, espasmos gastrointestinais e dor de estômago por nervosismo. Tome a infusão ou a tintura. É ótima para bebês e crianças.

Erva-doce ( Foeniculum vulgare ) - Digestiva e estimulante. Mastigue algumas sementes ou faça uma infusão para tratar gases, cólicas e dores de estômago.

Filipêndula ( Filipendula ulmaria ) - Antiácida. Alivia os sintomas de diversos problemas gastrointestinais, como flatulência e acidez. Tome a infusão para amenizar gases, úlceras pépticas, refluxo, diarreia moderada e gastrite.

Gengibre ( Zingiber officinale ) - Antiespasmódica, antiemética, anti-inflamatória e antisséptica. Use para aliviar flatulência, cólica, náusea, soluço, síndrome do cólon irritável, vômitos e para tratar infecções gastrointestinais.

Hortelã-pimenta  ( Mentha x piperita ) - Tônica. Pode ser usada para diversos problemas digestivos. Beba a  infusão para sintomas como indigestão, flatulência, enjoo em viagens, náusea, cólica e vômitos. Use as cápsulas com óleo essencial para tratar a síndrome do cólon irritável.

Melissa ( Melissa officinalis ) - Sedativa e digestiva. Pode ser usada por adultos e crianças. Beba a infusão para aliviar dor estomacal e intestinal, flatulência e problemas digestivos de fundo nervoso.

Olmo-vermelho ( Ulmus rubra ) - Fortalecedora da camada protetora do aparelho digestório. Beba com um pouco de água para aliviar sintomas de refluxo, acidez, gastrenterite, diarreia e gastrite.

Sene ( Senna Alexandrina ) - Laxativa, aliviando a constipação ocasional. Faça uma infusão e beba antes de dormir para estimular os movimentos peristálticos. Misture com alcaçuz ou o gengibre para combater cólicas.

Arruda ( Ruta graveolens ) - afecção dos rins, asma brônquica, conjuntivite e muitos mais benefícios

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Arruda ( Ruta graveolens  ) 
A arruda é uma planta de existência longa, que se renova a cada primavera. Suas folhas, de um bonito verde claro, contrastam com o amarelo-ouro de suas flores em ramalhete, dotadas de quatro pétalas, com exceção da flor central que possui cinco pétalas. As indicações terapêuticas da arruda são: normalização do ciclo menstrual, afecção dos rins, asma brônquica, ciática, esclerose, dermatite, dores de ouvido, sarna, piolhos, conjuntivite, leishmaniose. Acredita-se que a mais importante virtude da arruda é oferecer maior resistência aos capilares sanguíneos, evitando-se assim, possíveis hemorragias.

Receita Medicinal


Ingredientes:

  • 2 colheres ( sopa ) de arruda
  • 1 litro de água

Modo de Preparo: Leve ao fogo a arruda e a água e quando levantar a fervura desligue o fogo. Deixe a solução tampada abafando por 15 minutos. Agora coe, beba e tome 1 xícara por 3 vezes ao dia.

quinta-feira, 21 de junho de 2012

Chá de cavalinha composto com outras ervas que curam - infecção urinária

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Estes chás são refrescantes e desintoxicantes é especialmente indicado para tratar inflamações ocasionais no trato urinário causadas por micro-organismos não identificados, como alguns casos de cistite. As ervas estimulam a urina e diminuem a inflamação.

Chás diuréticos


Receita 1

Ingredientes:

  • 2 colheres ( chá ) de cavalinha
  • 2 colheres ( chá ) de cabelo de milho
  • 2 colheres ( chá ) de folhas de dente-de-leão
  • 2 colheres ( chá ) de tanchagem
  • 2 colheres ( chá ) de aparine

Modo de Preparo: Coloque os ingredientes em um bule de chá. cubra com 600ml de água fervente, deixe descansar por 15 minutos, coe e sirva. Também pode ser tomado frio. 


Receita 2 

Ingredientes:

  • 2 colheres ( chá ) de zimbro
  • 2 colheres (chá ) de cavalinha
  • 1 colher ( chá )  de chapéu-de-couro

Modo de Preparo: Ferva as ervas em 500ml de água durante 20 minutos. Deixe esfriar, coe e tome 1 xícara de chá até quatro vezes por dia.

Uva-ursi ( Arctostaphylos uva-ursi ) - combater retenção de líquidos, tratar problemas do trato urinário ou corrimento vaginal

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Nativa de áreas úmidas da Ásia. da América do Norte e da Europa. é um dos vegetais preferidos dos ursos,  o que explica seu nome latino - literalmente " a uva do urso ". É bastante usada por fitoterapeutas como um antisséptico urinário, graças à presença de hidroquinonas, substâncias que ajudam a limpar o trato urinário. Também conhecida como uva-ursina. Seus principais componentes sãos os hidroquinonas (incluindo arbutin), ácido ursólico, ácido tânico, ácido gálico, glicosídeos fenólicos, flavonoides, óleo volátil, resina, taninos. Sua ação é adstringente, bactericida, antisséptica do sistema urinário, possivelmente diurética, estanca sangramentos, acelera o parto.

Veja abaixo como usar 


Infusão - Tome 1 xícara de uma infusão padrão feita com as folhas, três vezes ao dia, para cistite temporária, uretrite ou queimação ao urinar. É frequentemente misturada com as outras ervas medicinais, como a aparine ( Gallium aparine ) .

Tintura - Tome de 40 a 80 gotas, três vezes ao dia, para tratar problemas do trato urinário ou corrimento vaginal.

Cápsulas - Disponíveis em farmácias especializadas, são normalmente misturadas com outras ervas para combater retenção de líquidos. Siga as instruções da embalagem.

Chá para insônia

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Insônia 


Receita 1 

Ingredientes:

  • 1 punhado de cravo
  • 1 punhado de camomila
  • 1 punhado de tília
  • 1 punhado de melissa ou erva-cidreira
  • 3 paus de canela
  • 1 copo de água

Modo de Preparo: Ferva todos os ingredientes juntos durante 15 minutos. Coe e tome à noite.


Receita 2

Ingredientes:


  • 1 colher ( sopa ) de lúpulo
  • 1 colher ( sopa ) de folhas de maracujá
  • 1 colher ( sopa ) de melissa
  • 3 xícara ( chá ) de água

Modo de Preparo: Faça uma infusão das ervas por 2 minutos; depois, ferva as ervas em fogo baixo por 3 minutos. Deixe descansar por 15 minutos. Coe, esprema bem. Tome até 4 xícaras de chá por dia.


Receita 3 

Ingredientes:


  • 1 colher ( sopa ) de manjerona
  • 1 colher ( sopa ) de flores de laranjeira
  • 1 colher ( sopa ) de gatária 
  • 3 copos de água
  • Mel a gosto

Modo de Preparo: Misture todos os ingredientes e ferva tudo por 2 minutos. Coe, adoce e tome deste chá até três vezes por dia.

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Chá para Gases Estomacais

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Os gases, em geral, com efeitos bastante doloridos, acontecem pelo excesso de ar no tubo digestivo, mas também podem ser decorrentes de uma série de fatores, tais como: ingestão de certos alimentos que fermentam, como o feijão, a carne o repolho, e maus hábitos alimentares, como comer depressa demais. Isso sem falar em doenças como a colite ou maneira errada de oferecera mamadeira ao bebê, mantendo-o na posição horizontal, permitindo a entrada de ar no tubo digestivo durante a mamada, etc.

 Gases Estomacais

Receita1

Ingredientes:
  • 2 colheres ( sopa ) de anis-estrelado
  • 2 colheres ( sopa ) de erva-doce
  • 1 colher ( sopa ) de cominho
  • 5 xícaras ( chá ) de água

Modo de Preparo: Macere o anis-estrelado, junte a erva-doce e o cominho e deixe em fervura por 20 minutos. Desligue o fogo, espere esfriar e tome 5 a 6 copos deste chá por dia 


Receita 2

Ingredientes:
  • 2 folhas de rúcula
  • 1 copo de água

Modo de Preparo: Lave bem as folhas de rúcula. Bata no liquidificador as folhas de rúcula e a água. Coe. Se preferir, adoce e beba em seguida.

Chá para rouquidão

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Rouquidão 


Receita 1

Ingredientes:
  • 1/2 casca de romã seca
  • 4 ramos de agrião
  • 3 colheres ( chá ) de mel
  • 2 copos de água
Modo de Preparo: Ferva a casca de romã com agrião por 20 minutos, coe e misture com o mel. Faça gargarejo com este líquido de duas em duas horas. Evite falar até melhorar.


Receita 2

Ingredientes:
  • 1 colher ( sopa ) de cascas de romã
  • 1/2 broto de pinheiro
  • 1 copo de água
Modo de Preparo: Coloque as ervas na água fervendo e abafe. Quando amornar, coe e faça gargarejo com este chá.


Receita 3

Ingredientes:
  • 2 folhas frescas de couve
  • 1 copo de leite
  • Mel a gosto
Modo de Preparo: Ferva as folhas de couve no leite. Depois de amornar, coe, adoce com mel e tome em seguida.


Observação: A receita 3 também pode ser utilzado em casos de tosse e bronquite

Dokudami ( Houttuynia cordata ) - tosses com catarro, infecções urinárias, abcessos e furúnculos

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Dokudami ( Houttuynia cordata )
Já foi usado como antídoto para venenos. Seu nome vem do japonês e significa " bloqueador de veneno ". Em chinês, é chamado de yu xing cao, que significa " planta com cheiro de peixe "; server para dar sabor a pratos salgados. No Japão é usado como desintoxicante. Os principais componentes planta são: flavonoides  (incluindo quercetina e hiperina ), terpenos ( incluindo limoneno e canfeno ), linalol, sitosterol, sais de potássio, óleos voláteis ( incluindo decanol - acetaldeído ). Tem ação adstringente, diurética, bactericida, laxante, antisséptica urinária, anti-inflamatória, antitussígena e cicatrizante.

Veja abaixo como usar


Infusão - Faça uma infusão padrão. usando a erva fresca, e tome 2 xícaras em um dia, todo mês, para desintoxicar-se.

Xarope -  Misture 450ml  de mel em  600ml de uma infusão padrão com quantidades iguais de infusões de dokudami e flor-balão. Tome 1 colher ( chá ), cinco vezes ao dia, para tratar tosses com secreção.

Decoção - Faça uma decoção padrão com a planta inteira e tome 2 xícaras todos os dias para tratar abcessos e furúnculos. Porém a melhora só ocorre após o dreno.

Tintura - Tome 2 colheres ( chá ), três vezes ao dia, para tratar infecções urinárias ou dor ao urinar. Se os sintomas persistirem, procure um médico.

Ervas Abortivas



http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Seguem abaixo as ervas que não devem ser ingeridas durante a gravidez, a não ser por indicação de um bom médico fitoterapeuta. Nesta lista não constam todas as ervas proibidas. As ervas culinárias marcadas com um asterisco são aceitáveis, mas não use em grandes quantidades.



http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
          

Escalda-pés com gengibre e zimbro

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Este escalda-pés aumenta a circulação, aquecendo os pés. O gengibre é conhecido por ajudar a esquentar, o zimbro tem propriedades estimulantes e o cravo é analgésico.

Aquece e estimula a circulação 

Ingredientes:

  • 1 colher ( sopa ) de rosa-mosqueta
  • 2 colheres ( sopa )  de hibisco seco
  • 1 colher ( chá ) de cravos
  • 1 colher ( chá ) de zimbro
  • 3 folhas de louro moídas
  • 1 colher ( sopa ) de raspas de laranja
  • 3 gotas de óleo essencial de gengibre


Modo de Preparo: Coloque todos os ingredientes dentro de um pedaço de musselina, amarre com um barbante formando uma trouxinha e coloque em uma bacia com água fervente. Espere 10 minutos, coloque água fria para chegar à temperatura  ideal e mergulhe os pés  pelo tempo desejado.

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Banho com ervas para redução de celulite

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/

Redução de Celulite


Ingredientes:

  • 30 gramas de casca de limão
  • 30 gramas de pinho ou alfazema
  • 30 gramas de alecrim 
  • 30 gramas de algas marinhas



Modo de Preparo: Coloque estas ervas em 2 litros de água fervente e deixe em infusão. Reserve. Encha a banheira de água morna e acrescente a infusão de ervas coadas. Acrescente 2 folhas de alga marinha. Em um pouco de álcool com cereais, acrescente 3 gotas de óleos essenciais de junípero, de limão e de alecrim. Agite e acrescente ao banho com as ervas. Na banheira, massageie vigorosamente nádegas e coxas com um esfregão ou com as mãos. Após 20 minutos, saia e seque-se dando palmadinhas. Em seguida massageie seu corpo com uma loção hidratante sem perfume.


Observação: Antes de mergulhar na banheira para usufruir deste maravilhoso banho com ervas,  escove todo o  corpo vigorosamente para ativar a circulação do sangue. Use, se possível, uma bucha natural para estimular o corpo. Para aumentar os efeitos aromaterapêuticos, pingue de 1 a 2 gotas de óleo essencial de limão nesta bucha. Tome uma ducha vigorosa para limpar o corpo com o uso de um sabonete esfoliante . 

Banho de capim-limão e alecrim para recuperação muscular

http://www.ervasmedicinaiscuram.comO alecrim, o capim-limão e o louro são ervas aromáticas muito usadas na cozinha, mas também podem ser ótimas nos cuidados com a pele. A mistura aromática de ervas desta infusão é ideal para ser usada depois de atividades físicas, ajudando na recuperação muscular.

Recuperação Muscular 


Ingredientes: 
  • 2 colheres ( chá ) de folhas de louro picadas
  • 1 colher ( chá ) de alecrim picado
  • 5 gotas de óleo essencial de capim-limão


Modo de Preparo: Faça uma infusão padrão com as folhas de louro,  alecrim e 500ml de água quente. Coe e coloque o óleo essencial de capim-limão. Use imediatamente, despejando na água da banheira.

Banho para estimular a circulação e aliviar a fadiga muscular

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Para ajudar na eliminação de toxinas, as algas-marinhas e o sal marinho são combinados com óleo essencial de limão, zimbro e pimenta-preta, que estimulam a circulação. A fim de obter melhores resultados, antes de se banhar, esfregue o corpo com uma escovinha em leves movimentos circulares, para esfoliar a pele.

Banho Desintoxicante

Ingredientes:
  • 1/2 colher ( chá ) de alga-marinha
  • 1 colher ( chá ) de sementes de aipo
  • 2 colheres ( chá ) de sementes de erva-doce
  • 2 colheres ( chá ) cheias de sal marinho
  • 2 gotas de óleo essencial de zimbro
  • 2 gotas de óleo essencial de pimenta-preta
  • 2 gotas de óleo essencial de limão
  • 2 gotas de óleo essencial de eucalipto

Modo de Preparo: Faça uma infusão padrão com as ervas e 500ml de água quente. Coe e coloque o resto dos ingredientes. Use imediatamente, despejando-a na água da banheira.

Banho de ervas para a mulher no pós-parto

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Esta mistura de ervas promove a recuperação do corpo da mulher após o parto. A calêndula estimula a regeneração celular, enquanto a mil-folhas tem ação anti-inflamatória. A lavanda além de nutrir a pele ajuda a relaxar.

Mulher pós-parto


Ingredientes:
  • 2 colheres ( sopa ) de calêndula 
  • 2 colheres ( sopa ) de camomila
  • 2 colheres ( sopa ) de lavanda
  • 1 colher ( sopa ) de mil-folhas
  • 1 colher ( sopa ) de bolsa-de-pastor ( Capsella bursa-pastoris )

Modo de Preparo: Faça uma infusão padrão com as ervas e água quente. Use imediatamente, despejando-a na água da banheira, que deve chegar apenas até os quadris. Fique 10 minutos. Se tiver com pontos, faça apenas um banho de infusão por dia.


Banho com ervas medicinais

As folhas de framboesa são levemente adstringentes e ricas em taninos. A violeta e a lavanda são relaxantes, enquanto a aveia é indicada para a pele seca, pois acalma e hidrata.
http://www.ervasmedicinaiscuram.com/

Alivia a fadiga muscular e Relaxante


Ingredientes:
  • 2 colheres ( sopa ) de folhas de framboesa
  • 2 colheres ( sopa ) de folhas de violeta
  • 2 colheres ( sopa ) de lavanda 
  • 2 colheres ( sopa ) de aveia

Modo de Preparo: Amasse as folhas e a aveia com um pilão, até obter um pó. Deposite o pó em um pano de musselina e amarre com um barbante, formando uma trouxinha. Coloque na banheira ou pendure no chuveiro de modo que a água passe pela musselina

domingo, 17 de junho de 2012

Ervas que curam problemas digestivos

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Maus hábitos alimentares, problemas emocionais, uso de remédios, álcool e estresse são gatilhos para várias doenças, inclusive no sistema digestório. Para mantê-lo em bom funcionamento e saudável, são necessários alguns cuidados . Porém se os sintomas persistirem, procure um médico. Existem várias ervas que servem para tratar os problemas digestivos, porém separamos as principais especialmente para você. 


Veja abaixo as principais Ervas 

Alcaçuz ( Glycyrrhiza glabra ) - Laxativa e calmante. Faça uma infusão com camomila e alteia e tome em caso de indigestão, acidez, gastrite, ou misture com sene para tratar constipação.

Alteia  ( Althaea officinalis ) - Anti-inflamatória do trato digestivo. Faça uma infusão misturada com camomila para diminuir acidez, desconforto e irritação na boca, estômago ou duodeno.

Camomila ( Matricaria recutita ) - Calmante. Ajuda a minimizar problemas como indigestão, espasmos gastrointestinais e dor de estômago por nervosismo. Tome a infusão ou a tintura. É ótima para bebês e crianças.

Erva-doce ( Foeniculum vulgare ) - Digestiva e estimulante. Mastigue algumas sementes ou faça uma infusão para tratar gases, cólicas e dores de estômago.

Filipêndula ( Filipendula ulmaria ) - Antiácida. Alivia os sintomas de diversos problemas gastrointestinais, como flatulência e acidez. Tome a infusão para amenizar gases, refluxo, úlceras pépticas, diarreia moderada e gastrite.

Gengibre ( Zingiber officinale ) - Antiespasmódica, anti-inflamatória, antisséptica e antiemética. Use para aliviar flatulência, soluço, náusea, cólica, síndrome do cólon irritável, vômitos e para tratar infeccões gastrointestinais.

Hortelã-pimenta ( Mentha x piperita ) - Tônica. Pode ser usada para diversos problemas digestivos. Beba a infusão para sintomas como indigestão, enjoo em viagens, náusea, flatulência, vômitos e cólicas. Use as cápsulas com óleo essencial para tratar a síndrome do cólon irritável.

Melissa ( Melissa officinalis ) - Sedativa e digestiva. Pode ser usada por adultos e crianças. Beba a infusão para aliviar dor estomacal e intestinal, flatulência e problemas digestivos de fundo nervoso.

Olmo-vermelho ( Ulmus rubra ) - Fortalecedora da camada protetora do aparelho digestório. Beba com um pouco de água para aliviar sintomas de refluxo, acidez, gastrenterite, diarreia e gastrite.

Sene ( Senna alexandrina ) - Laxativa, aliviando constipação ocasional. Faça uma infusão e beba antes de dormir para estimular os movimentos peristálticos. Misture com alcaçuz ou gengibre para combater cólicas.

sábado, 16 de junho de 2012

Jasmim ( Jasminum officinale ) - alivia o estresse, depressão leve, cólicas menstruais, frigidez e impotência

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Jasmim ( Jasminum officinale )
Nativo da região do Himalaia, Índia, Paquistão e partes da China, é bastante conhecido. Seu óleo essencial é usado como sedativo e antidepressivo. Uma planta correlata, Jasminum grandiflorum, é conhecida como " jati " na Índia e é considerada um tônico espiritual para fortalecer o amor e a paixão. Os componentes da planta são as alcaloides,( incluindo o jasmone ), óleos voláteis ( incluindo álcool benzílico, linalol, acetato de vinila ) e ácido salicílico. Ela é considerada afrodisíaca, adstringente, sedativa, relaxante ( nervos ), analgésica, antidepressiva, antisséptica, antiespasmódica, tônica uterina, estimula o parto. Sua partes usadas são as flores e o óleo essencial.

Veja abaixo como usar


Infusão - Use 6 flores frescas de jasmim em uma xícara de água fervente e deixe descansar por 5 minutos. Tome duas ou três vezes ao dia para aliviar o estresse ou para depressão leve.

Óleo de Massagem - Adicione 2 gotas de óleo essencial em 5ml de óleo amêndoa e use em massagens para aliviar a tensão, combater insônia ou depressão. Coloque 20 gotas de óleo essencial em 30ml de óleo de amêndoa e use para massagear o abdômen no início do trabalho de parto. Essa mesma mistura serve para aliviar cólicas menstruais.

Aromatizador - Use 3 gotas do óleo essencial em um difusor de aromas para amenizar problemas sexuais como impotência ou frigidez. Antes da relação sexual, uma massagem mútua entre parceiros, com 5ml de óleo de amêndoa e 2 gotas de óleo de jasmim, também pode ajudar.

Receita para curar unheiro

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Para identificar o unheiro (Paroníquia) é relativamente simples, a pele que fica ao redor da unha fica avermelhada, dolorida, inchada e inflamada;  este tipo de inflamação produz prejuízos enormes, no que se refere a formação da unha, que crescem com alterações ficando onduladas na sua superfície. Normalmente as vitimas desta infecção bacteriana são as mulheres, por simplesmente terem um hábito maior de cuidarem de suas  unhas, e consequentemente acabam aumentando o risco de se deparar com instrumentos da manicure não esterilizados adequadamente ou então em casa pelo uso de produtos de limpeza, como a água sanitária e o sabão em pó.

Unheiro 


Receita 1 

Ingredientes: 
  • 6 dentes de alho
  • Azeite de oliva o quanto baste

Modo de Preparo: Amasse os dentes de alho, misture o azeite até formar uma pasta e aqueça levemente para não se queimar. Coloque sobre o local e cubra com gaze, deixando agir por 15 minutos. Aplique 2 vezes ao dia.


Receita 2 

Ingredientes: 
  • 100 gramas de folhas de eucalipto
  • 1 litro de água 

Modo de Preparo: Prepare um chá com folhas de eucalipto e, assim que amornar, faça banhos no local. Repita 3 vezes por dia.

Receita 3 

Ingrediente:
  • folha de babosa 

Modo de Preparo:  Pegue uma folha de babosa, faça um corte até extrair o gel natural. Coloque na área afetada, deixando agir por 15 minutos. Repita o procedimento 3 vezes ao dia

Chá para má digestão

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Tome este chá em casos de má digestão, gases e acidez estomacal. Ele tem ação anti-inflamatória, calmante e estimula a absorção de nutrientes, ajudando a regular o intestino.

Má Digestão


Chá de camomila e erva-doce

Ingredientes:
  • 1 colher ( chá ) de camomila
  • 1 colher ( chá ) de sementes de erva-doce
  • 1 colher ( chá ) de mil folhas
  • 1 colher ( chá ) de raiz de alteia picada
  • 1 colher ( chá ) de filipêndula 

Modo de Preparo: Coloque os ingredientes em bule. Cubra com 500ml de água fervente, deixe descansar por 5 minutos, coe e sirva. Tome 1 xícara, duas ou três vezes por dia.


Contra Indicação: chá não recomendado durante a gravidez.

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Xarope expectorante

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Este xarope ajuda a tratar tosses, pois possui tinturas de verbasco, tomilho, anis e alteia, combinadas com a ação anti-inflamatória do alcaçuz e da tanchagem. O mel, além de tornar as tinturas mais palatáveis, lubrifica e diminui a irritação das vias respiratórias.

Xarope de verbasco e anis 


Ingredientes:
  • 4 colheres ( chá ) de tintura de verbasco
  • 4 colheres ( chá ) de tintura de raiz de alteia
  • 1 colher ( sopa ) de tintura de anis
  • 1 colher ( sopa ) de tintura de tomilho
  • 4 colheres ( chá ) de tintura de tanchagem
  • 2 colheres ( chá ) de tintura de alcaçuz 
  • 100ml de mel 

Modo de Preparo: Misture todas as tinturas com o mel e guarde em uma garrafa esterilizada de 250ml. Tampe e ponha uma etiqueta com o nome dos ingredientes e a data de preparo. Mantenha na geladeira e consuma em até quatro meses.

Observação: não tome este xarope durante a gravidez.

Rosa-mosqueta ( Rosa canina ) - tratar diarreia, gastrite, cólicas e suplemento alimentar

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Nativa da Europa, do oeste asiático e do noroeste da África, hoje é encontrada por toda a América do Norte  e Nova Zelândia, onde é considerada invasiva. O nome científico vem de uma tradição romana que afirmava, erroneamente, que a raiz ajudava a curar a raiva transmitida pelos cães. Os fruto são ricos em vitamina C e podem ser transformados em xaropes. Seus principais componentes são: Vitaminas A, B1, B2, B3, C e K, taninos, flavonoides, polifenóis, carotenoides, óleo volátil. A rosa-mosqueta tem ação nutriente, adstringente, diurética, anti-inflamatória. Partes usadas frutos e folhas.

Veja abaixo como usar 


Xarope - Forma popular de suplemento alimentar para crianças e para dar sabor a outros remédios e xaropes para tosse. Adicione 225ml de mel e 300ml de uma decoção forte feita com os frutos ( reduza uma decoção padrão até a metade do volume original e depois peneire ). Tome 5ml.

Tintura - Tome 5ml ( 1 colher de chá ) da tintura, três vezes ao dia, para tratar diarreia, gastrite e cólicas ou como diurético leve.

Infusão - As folhas podem ser usadas para fazer um chá de uso diário. 

Frutos frescos - Os frutos podem ser consumidos como suplemento alimentar, mas tire as sementes antes de comer. 

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Xarope para tosse seca

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Este xarope funciona como um tônico para inverno. Os frutos e as flores do sabugueiro, bem como o gengibre, ajudam a fortalecer o organismo contra gripes e resfriados. O anis limpa os Pulmões, enquanto o gengibre e a canela ajudam a aquecer. É um remédio para combater tosses secas. 

Tosse Seca


Ingredientes: 
  • 50g de folhas de sabugueiro frescas ou secas
  • 100g de frutos de sabugueiro ( se forem secos, reidrate antes )
  • 1 pau canela
  • 1 colher de ( chá ) de sementes de anis
  • 1 colher ( sopa ) de gengibre picado
  • 400g de açúcar 
  • suco de 1/2 limão


Modo de Preparo: Coloque todos os ingredientes, exceto o açúcar e o suco do limão, em uma panela, adicione um 1 litro de água, cubra e deixe reduzir em fogo baixo por 25-30 minutos. Coe a mistura para uma jarra medidora. Ponha 600ml  em uma panela e junte o açúcar  ( líquido restante pode ser servido como chá ). Mexa suavemente, em fogo baixo, para dissolver o açúcar. Quando estiver dissolvido por completo, coloque o suco de limão e ferva pro mais 10-15 minutos, sem tampa. Aumente o fogo e ferva por mais 2-3 minutos. Tire do fogo. Guarde em uma garrafa esterilizada de 600ml, feche bem e coloque uma etiqueta com os ingredientes e a data de preparo. Mantenha na geladeira e consuma durante 4 semanas. Coloque 1 colher ( sopa )  do xarope  em 1 xícara de água quente ou fria.

Framboesa ( Rubus idaeus ) - ajuda preparar o útero para o parto, alivia cólicas mentruais e outros benefícios

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
Framboesa ( Rubus idaeus )
Nativa da Europa, da Ásia e da América do Norte, cultivada desde o século 16. Sua folhas são usadas para fazer chás que antigamente eram tomados por mulheres grávidas para fortalecer o últero antes do parto. Os frutos podem ser adicionados a xaropes contra a tosse ou usados para aromatizar vinagres. Seus principais componentes:  Folhas: fragarina  ( tônico uterino ), taninos, polipeptídios. Frutos: vitaminas A, B, C e E, açúcares, pectina e ácido frútico. Possui ação adstringente, fortalece o útero para o parto, estimulante, digestiva, aumenta a produção de urina, laxativa. Partes usadas folhas e frutos.


Veja abaixa como usar


Infusão - Tome 1 xícara de uma infusão padrão feita com as folhas, todos os dias, por dois meses antes do parto, para ajudar a preparar o útero. Beba a infusão sempre que necessário durante o trabalho de parto. Tome 1 xícara, três vezes ao dia, para aliviar cólicas mentruais.

Tintura - Tome 3-5ml ( 60 gotas ) da tintura, três vezes ao dia, para tratar diarreia leve. Coloque a mesma quantidade em 100ml  de água morna e use para limpar ferimentos, varizes e inflamações na pele. Coloque 2-5 gotas em um pouco de água fervente e, depois de esfriar, use como colírio para tratar conjuntivite.

Gargarejo - Use 1 xícara da infusão padrão para tratar aftas e garganta inflamada.

Suco - Tome 2 colheres ( chá ) , quatro vezes ao dia. Em casos de febre, faça o suco com a polpa do fruto.


Observação: Doses terapêuticas de chá de framboesa ( folha ) podem ser tomadas apenas no final da gravidez

Chá para cistite - infecção do trato urinário

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/Cistite


Receita 1 

Ingredientes:
  • 1 punhado de flores de lúpulo
  • 1 punhado de chapéu-de-couro
  • 4 folhas de abacate
  • 1/2 litro de água 
 Modo de Preparo: Ferva a água e coloque as ervas. Tire do fogo, tampe e deixe esfriar. Coe e tome uma xícara de chá, três vezes ao dia.


Receita 2

Ingredientes:
  • 3 colheres ( sopa ) de parietária
  • 1 colher ( sopa ) de cavalinha
  • 1 colher ( sopa ) de malva
  • 1 colher ( sopa ) de camomila
  • 3 xícaras de água
Modo de Preparo: Coloque as ervas para ferver juntas por uns 3 minutos. Desligue o fogo, espere esfriar, cuidando para que a vasilha esteja tampada. Coe e tome uma xícara de chá antes das refeições.


Receita 3 

Ingredientes:
  • 1 colher ( sopa ) de pata-de-vaca
  • 2 colheres ( sopa ) de cabelo-de-milho
  • 1 colher (sopa ) de alfavaca
  • 1 colher ( sopa ) de rosas brancas
  • 3 xícaras ( chá ) de água
Modo de Preparo: Coloque as ervas para ferver juntas por uns 3 minutos. Desligue o fogo, espere esfriar, cuidando para que a vasilha esteja tampada. Coe e tome uma xícara de chá antes das refeições.


Receita 4 

Ingredientes:
  • 2 colheres ( sopa ) de calêndula
  • 1 colher ( sopa )  de raiz de salsinha
  • 1 colher ( sopa ) de quebra-pedra 
  • 1 colher ( sopa ) de tília
  • 4 xícaras ( chá ) de água
Modo de Preparo: Coloque as ervas para ferver juntas por uns 3 minutos. Desligue o fogo, espere esfriar, cuidando para que a vasilha esteja tampada. Coe e tome uma xícara de chá antes das refeições.


quarta-feira, 13 de junho de 2012

Chá para melhorar o desempenho sexual

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/A damiana possui um sabor característico e alivia a depressão e a ansiedade, além de diminuir a fadiga e melhorar o desempenho sexual. Os frutos de goji melhoram a fertilidade, fortalecem o coração, aumentam a resistência e amenizam os sintomas da menopausa. O alcaçuz é um tônico para o coração, reduzindo a fadiga e estimulando os adrenais.

Melhorar o Desempenho Sexual
( homens e mulheres )

Receita 

Ingredientes:
  • 1 colher ( sopa ) de frutos de goji secos ou frescos
  • 1 colher ( chá ) de damiana ( Turnera diffusa )
  • 1/2 colher ( chá ) de alcaçuz


Modo de Preparo: Coloque as ervas em bule, cubra com 300ml de água fervente e deixe descansar por 10 minutos. O chá também pode ser servido frio.

Contra Indicação: não tomar o chá durante a gravidez.

Chá para Depressão

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/
 Este chá pode ajudar a relaxar e a tranquilizar a mente, especialmente em casos de depressão. Todas as ervas dessa infusão são conhecidas por ajudar a aliviar a tensão, relaxar o corpo e a mente e melhorar o humor e a disposição

Alivio da Depressão 


Ingredientes:
  • 1 colher ( chá ) de escutelária
  • 1 colher ( chá ) de flor de laranjeira
  • 1 colher ( chá ) de erva-de-são-joão
  • 1 colher ( chá ) de betônica
  • 1 colher ( chá ) de melissa 

Modo de Preparo: Coloque os ingredientes em um bule, cubra com 500ml de água fervente , deixe descansar por 10-15 minutos, coe e sirva. O chá também pode ser tomado frio.


 Contra Indicação: náo tomar este chá durante a gravidez.

As ervas medicinais e a saúde da mulher

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/As ervas podem ajudar as mulheres em uma variedade de problemas associados ao ciclo menstrual, como dores, fluxo intenso, ciclo irregular, tensão pré-menstrual, menopausa e também infecções vaginais. Se os problemas persistirem, consulte um fitoterapeuta. Trouxemos logo abaixo as principais ervas indicadas  para tratar problemas femininos

Agnocasto ( vitex agnus-castus ) - Reguladora hormonal, ingira a tintura para regular os ciclos , menstruais, aliviar os sintomas da TPM e da menopausa. Também é frequentemente usada para tratar a síndrome do ovário policístico.

Angélica ( Angelica sinensis ) - Tônica, sedativa e hepatoprotetora. Muita usada por mulheres na medicina tradicional chinesa, pois aumenta a vitalidade e a libido, trata infertilidade e regula a menstruação. Tome a tintura ou adicione em sopas.

Camomila ( Matricaria recutita ) - Calmante e antiespasmódica. As infusões e tinturas aliviam as cólicas e o estresse. Use a infusão fria, ou o óleo diluído, para passar  em coceiras ou irritações na vagina.

Erva-de-são-cristóvão ( Actaea racemosa ) - Reguladora do ciclo menstrual. Tradicionalmente usada para tratar problemas ginecológicos. Ajuda a atenuar dores relacionadas à menstruação ou gases e diminui os sintomas da TPM. Combine a sálvia para aliviar os sintomas da menopausa.

Erva-de-são-joão ( Hypericum perforatum ) - Antedepressiva. Também diminui a ansiedade, o estresse, alivia os sintomas da TPM e da menopausa.

Esquisandra ( Schisandra chinensis ) - Restauradora e tônica. Alivia os sintomas da menopausa, sobretudo o suor noturno. Também atenua estresse a fadiga. Melhor tomar a tintura.

Fambroesa / folha  ( Rubus idaeus ) - Tönica e adstringente. Tome a infusão para aliviar cólicas menstruais ou diminuir o fluxo intenso.

Pé-de-leão ( Alchemilla xanthochlora ) - Adstringente e reguladora menstrual. Alivia o fluxo intenso e dolorido. Tome, três vezes ao dia, infusões de pé-de-leão com folhas de fambroesa ou use uma infusão fria para lavar a vagina com candidíase ou prurido.

Rosa-de-damasco ( Rosa x damascena ) - Revigorante e equilibrante. Tome a infusão com agripalma para diminuir estresse e dores de cabeça associadas à menopausa ou TPM. Use a infusão fria, ou óleo essencial, para aliviar as irritações ou o ressecamento vaginal.

Verbena ( Verbena officinalis ) - Antiespasmódica. Tome a infusão, ou tintura, para aliviar dores de cabeça associadas ao ciclo menstrual, menopausa ou TPM, cansaço nervoso e menstruação escassa.