Finalidades das Ervas Medicinais

http://www.ervasmedicinaiscuram.com/

  Conheça as finalidades de cada uma dessas Ervas Poderosas, para que você tire maior proveito de cada uma delas em benefício de sua saúde e beleza

 

Ervas Diureticas

Auxiliam a evitar a retenção de água

  • Abacateiro
  • Cabelo-de-milho
  • Cavalinha
  • Dente-de-leão
  • Sabugueiro
  • Salsa
  • Quebra-pedra


Ervas Desintoxicantes

Filtram as toxinas e ajudam a eliminá-las através da urina, das fezes e do suor.
  • Alfafa
  • Bardana
  • Chá-verde
  • Espinheira-santa
  • Salsaparrilha
  • Zedoaria


Ervas Digestivas

 Atuam no fígado, ajudando o intestino a absorver a gordura
  • Cáscara-sagrada
  • Fucus
  • Hibisco
  • Zedoária

Ervas Emagrecedoras

Ao agir nos rins. no fígado e no intestino, ajudam a dissolver a gordura do organismo
  • Cana-do-brejo
  • Capim-limão
  • Carqueja
  • Cavalinha
  • Cabelo-de-milho
  • Graviola
  • Alfafa


Ervas Para Ansiedade

Ajudam a evitar o famoso ataque noturno à geladeira, controlando a ingestão compulsiva de comida.
  • Alecrim 
  • Aniz
  • Camomila
  • Capim-limão
  • Hortelã
  • Jasmin
  • Melissa
  • Mulungu

Contato: atendimento@ervasmedicinaiscuram.com


14 comentários:

  1. tiago ames da silva25 de setembro de 2012 15:05

    essa pagina me ajudou muito,queria saber um pouco mais sobre plantas medicinais agora ja sei;

    ResponderExcluir
  2. ola eu gostaria de saber onde encontro essa ervas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rosi ! Essas ervas são facilmente encontradas em lojas de produtos naturais.

      Excluir
  3. estou querendo saber o que e bom pra queimadura de oleo quente a queimadura ta cheia de bolha dagua

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Zulene ! você pode usar babosa, mais o ideal é usar tão logo aconteça o ocorrido, uma outra dica seria a clara do ovo

      Excluir
  4. gostaria d saber se o guaco tem outro nome,pq na minha cidade (Manaus) ninguem conhece,preciso muito fazer o cha pra amigdalas,sinusites e rinites,meu neto sofre muito dos 3

    ResponderExcluir
  5. Olá Valdira ! O guaco tem o nome cietifico de Mikania glomerata, no entanto é mais fácil encontrar pelo nome guaco pois é o nome popular da planta medicinal.

    ResponderExcluir
  6. Olá boa noite, encontrei a página de vcs pelo face, tenho algumas dúvidas a respeito de alguns chás, oque vcs podem me informar sobre o chá de uxi amarelo e unha de gato, quais as finalidades, e quais as contras indicações, muitos dizem que são ótimos para cistos, limpas os uteros e ovários, mas sempre ocorre as dúvidas, se for possível vcs me responderem serei grata. Obrigado

    ResponderExcluir
  7. Posso misturar CAvalinha + Dente de leao + Cabelo de Milho?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá caro amigo ! enquanto a mistura das ervas em um único chá, acredito não ser necessário, porém existem chás que de fato possuem um mix de ervas.

      Excluir
  8. Revisão de estudos aponta excesso de uso de remédio para hipertensão leve
    Drogas não reduziram ataques cardíacos ou acidentes vasculares cerebrais em pessoas com pressão arterial de menos de 16 por 10, segundo ONG que revisou dados de 9 mil pacientes; de 20% a 30% das pessoas seriam diagnosticadas erroneamente
    Uma revisão de estudos realizada por um painel de especialistas independentes da ONG Cochrane Collaboration aponta que pacientes diagnosticados com hipertensão arterial leve estão sendo medicados em excesso e essas drogas não reduziram ataques cardíacos ou acidentes vasculares cerebrais (AVC).

    Os revisores da Cochrane analisaram dados de testes clínicos envolvendo 9 mil pacientes em tratamento de hipertensão leve. A hipertensão leve diz respeito a casos em que a medida da pressão sistólica é de no máximo 159 mmHg e a pressão diastólica, de 99 mmHg. Isso equivale a dizer que o doente com pressão arterial menor que 16 por 10 é considerado um hipertenso leve.
    A pesquisa analisou os resultados do tratamento com remédio e os comparou com os de placebo ou nenhum tratamento. A constatação é de que não houve nenhum benefício evidente no grupo de pacientes que tomou remédios. Para os revisores, os resultados demonstram que qualquer benefício, se existir, provavelmente será pequeno.
    Excesso. Uma das hipóteses para explicar o excesso de uso de medicação é a chamada “síndrome da pré-doença” ou “pré-hipertensão”. Trata-se de um diagnóstico dado ao paciente que tem fatores de risco e apresenta alguma alteração em determinado exame, mas não necessariamente está doente. Assim, pessoas com hipertensão leve são tratadas da mesma forma que pacientes com casos graves.
    “Por muito tempo só era medicado o doente que sofria um evento cardíaco. Mas hoje há inúmeras opções de medicamentos considerados preventivos que, em geral, são prescritos como primeira opção ao paciente que poderia reduzir a hipertensão largando o cigarro, perdendo o peso, reduzindo o sal da alimentação ”, avalia Marcelo Ferraz Sampaio, do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia.
    Outro fator que pode explicar o excesso de diagnóstico é a chamada “síndrome do jaleco branco”, caracterizada pelo aumento da pressão arterial quando o paciente está na frente do médico.
    Segundo o cardiologista Weimar Sebba Barroso, presidente do Departamento de Hipertensão da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), de 20% a 30% dos pacientes diagnosticados com hipertensão leve não estão doentes – a alteração aconteceu no consultório, ao acaso.
    “A maior dificuldade é fazer um diagnóstico correto da hipertensão leve, já que a medida está sujeita a variações de fatores externos, como a ansiedade. Não dá para medicar o paciente com base num único exame clínico”, diz Barroso. Para ele, num mundo ideal, o correto seria fazer um monitoramento da pressão do paciente por 24 horas, por meio de um aparelho portátil que mede os valores cerca de cem vezes.
    “Mas a gente sabe que isso é inviável em saúde pública, por isso os médicos precisam pedir outros exames (como teste de esteira) e medir a pressão do paciente em várias oportunidades antes de dar o diagnóstico”, diz.
    “Estima-se que 80% dos pacientes que morrem por conta do AVC e 50% dos que morrem de enfarte são hipertensos. Temos de ter o cuidado de não passar a informação equivocada de que a hipertensão leve não precisa ser tratada”, alerta Barroso.
    Fonte: www.estadao.com.br

    ResponderExcluir
  9. Eu queria saber onde eu posso encontrar arruda e se é muito dificil de encontrar.
    Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ladyelle ! Encontrar arruda não é difícil muitas pessoas costumam cultivar em casa mesmo, caso você não conheça ninguém procure em lojas de produtos naturais ou ervanários.

      Excluir